Notícias

CRT-MG avança nas discussões para participar ativamente do Projeto Trilhas de Futuro

  • 1 de julho de 2022

Reunião com representantes do Governo de Minas serviu para nortear ações para o apoio do CRT-MG ao projeto que oferece vagas gratuitas a estudantes de cursos técnicos no estado

Nesta quinta-feira (30), de forma virtual, o Presidente do Conselho Regional dos Técnicos Industriais de Minas Gerais – CRT-MG, Nilson Rocha, se reuniu com representantes das Secretarias de Estado de Educação (SEE/MG) e de Desenvolvimento Econômico (SEDE) no intuito de avançar nas propostas de participação da autarquia federal no Programa Trilhas de Futuro, projeto do Governo de Minas Gerais que oferece vagas gratuitas a estudantes para cursos técnicos no Estado. O CRT-MG mantém conversas com setores governamentais do estado a fim de oferecer apoio logístico e estratégico, e a primeira reunião sobre o tema foi realizada em 3 de maio na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

Além de Nilson Rocha, participaram da reunião representando o CRT-MG Emiliane Veloso (Conselheira Regional), Renata Carvalho (Chefe de Gabinete), Lincoln Carvalho (Gerente de Comunicação) e Claiton Cesar (Jornalista). Representando o Governo de Minas participaram Florence Belo Sidney, Diretora de Atração de Investimentos e Diversificação Econômica da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE), Amanda Barboza (Coordenadora de Educação Profissional da Secretaria de Estado de Educação do Governo de Minas Gerais – SEE-MG e Presidente do Comitê Gestor do Projeto Trilhas de Futuro) e Lucas Evencio – Assessor Estratégico da SEE/MG.

Florence Sidney reforçou que a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SEDE) atua junto ao setor produtivo através do Mapeamento de Demandas de Ocupações e Formações do Setor Produtivo, que integra o programa Trilhas do Futuro. A iniciativa tem como objetivo fazer um levantamento junto às empresas da necessidade de qualificação de mão de obra técnica. De acordo com o último mapeamento, as vagas mais solicitadas por 40 municípios e 90 instituições de ensino consultadas foram de costureiro, mecânico de manutenção de máquinas, programador de sistemas, soldador, ajustador mecânico, técnico em cerâmica, cortador de roupas e técnico em vestuário. Segundo Florence, existem muitos outros cursos aderentes ao CRT-MG e que o órgão pode ajudar nesse processo. 

CRT-MG oferece conhecimento e oportunidades de inserção no mercado de trabalho

Renata Carvalho falou sobre a relevância do Sistema CFT/CRTs e sua influência para o setor técnico brasileiro em pouco mais de quatro anos, que já deliberou cerca de 50 resoluções de atribuições aos profissionais num universo de 197 modalidades técnicas. Ela e Nilson Rocha e explicaram que o CRT-MG quer contribuir na divulgação às escolas técnicas sobre legislação que criou o CFT e o CRT-MG, como também fomentar o oferecimento de cursos de qualificação e pós-técnico para melhor qualificar o estudante e o profissional em sua carreira, para a preservação do emprego. “Nossa intenção é ter uma parceria a fim de levar esse conhecimento sobre legislação para dentro das escolas técnicas, e isso faz parte do desenvolvimento do estudante e do profissional, bem como o apoiá-lo para inseri-lo no mercado de trabalho. Queremos juntar a legislação pertinente, o mercado de trabalho e o desenvolvimento profissional dos Técnicos Industriais” disse. A Chefe de Gabinete da Presidência do CRT-MG também apontou a intenção do órgão em divulgar o projeto Trilhas de Futuro nos meios de comunicação do CRT-MG, pois temos um banco de dados junto aos profissionais e estudantes.

Nilson Rocha sintetizou como o CRT-MG pode atuar na parceria com o Governo do Estado. “O que nós queremos na verdade é poder participar e contribuir com tudo o que vocês precisarem, como contatos com as empresas, número de técnicos registrados, qual modalidade de técnicos tem mais registro em nosso sistema. Tudo o que vocês precisarem. nós estaremos dispostos a contribuir”, declarou o presidente do CRT-MG.

A representante da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais ficou satisfeita com a inciativa do CRT-MG, indicando que essa parceria pode render frutos para ambos os lados. “Podemos trocar informações, enviamos a vocês informações sobre os mapeamentos anteriores e dos cursos que já foram ofertados, e vocês podem nos enviar a relação de modalidades técnicas que já possuem resoluções e a demanda de mercado para os profissionais, bem como a legislação pertinente para que possamos aprofundar conhecimento. Isso vai ser muito importante para que possamos fazer uma leitura crítica para sabermos como poderemos trabalhar em conjunto”, finalizou Florence Sidney.

Últimas notícias

CFT implementa ferramenta para aperfeiçoar análise de TRTs

Nova funcionalidade permite que equipes de fiscais acompanhem o estágio de análise dos Termos de Responsabilidade Técnica (TRT) no Sistema de Informação dos Conselhos dos…
Ler mais...

CRT-MG e comando do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais discutem acesso dos técnicos industriais ao Sistema de Informações do Serviço de Segurança Contra Incêndio e Pânico (Infoscip)

Reunião realizada na Cidade Administrativa (sede do Governo do Estado) apontou caminhos para atender as demandas dos profissionais mineiros O Presidente do Conselho Regional dos…
Ler mais...

Resolução do CFT beneficia técnicos industriais recém-formados

Normativa da autarquia federal estabelece 90% de desconto na primeira anuidade e estimula a inserção dos profissionais de baixa renda no mercado de trabalho. O…
Ler mais...

CRT-MG avança nas discussões para participar ativamente do Projeto Trilhas de Futuro

  • 1 de julho de 2022

Reunião com representantes do Governo de Minas serviu para nortear ações para o apoio do CRT-MG ao projeto que oferece vagas gratuitas a estudantes de cursos técnicos no estado

Nesta quinta-feira (30), de forma virtual, o Presidente do Conselho Regional dos Técnicos Industriais de Minas Gerais – CRT-MG, Nilson Rocha, se reuniu com representantes das Secretarias de Estado de Educação (SEE/MG) e de Desenvolvimento Econômico (SEDE) no intuito de avançar nas propostas de participação da autarquia federal no Programa Trilhas de Futuro, projeto do Governo de Minas Gerais que oferece vagas gratuitas a estudantes para cursos técnicos no Estado. O CRT-MG mantém conversas com setores governamentais do estado a fim de oferecer apoio logístico e estratégico, e a primeira reunião sobre o tema foi realizada em 3 de maio na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

Além de Nilson Rocha, participaram da reunião representando o CRT-MG Emiliane Veloso (Conselheira Regional), Renata Carvalho (Chefe de Gabinete), Lincoln Carvalho (Gerente de Comunicação) e Claiton Cesar (Jornalista). Representando o Governo de Minas participaram Florence Belo Sidney, Diretora de Atração de Investimentos e Diversificação Econômica da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE), Amanda Barboza (Coordenadora de Educação Profissional da Secretaria de Estado de Educação do Governo de Minas Gerais – SEE-MG e Presidente do Comitê Gestor do Projeto Trilhas de Futuro) e Lucas Evencio – Assessor Estratégico da SEE/MG.

Florence Sidney reforçou que a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SEDE) atua junto ao setor produtivo através do Mapeamento de Demandas de Ocupações e Formações do Setor Produtivo, que integra o programa Trilhas do Futuro. A iniciativa tem como objetivo fazer um levantamento junto às empresas da necessidade de qualificação de mão de obra técnica. De acordo com o último mapeamento, as vagas mais solicitadas por 40 municípios e 90 instituições de ensino consultadas foram de costureiro, mecânico de manutenção de máquinas, programador de sistemas, soldador, ajustador mecânico, técnico em cerâmica, cortador de roupas e técnico em vestuário. Segundo Florence, existem muitos outros cursos aderentes ao CRT-MG e que o órgão pode ajudar nesse processo. 

CRT-MG oferece conhecimento e oportunidades de inserção no mercado de trabalho

Renata Carvalho falou sobre a relevância do Sistema CFT/CRTs e sua influência para o setor técnico brasileiro em pouco mais de quatro anos, que já deliberou cerca de 50 resoluções de atribuições aos profissionais num universo de 197 modalidades técnicas. Ela e Nilson Rocha e explicaram que o CRT-MG quer contribuir na divulgação às escolas técnicas sobre legislação que criou o CFT e o CRT-MG, como também fomentar o oferecimento de cursos de qualificação e pós-técnico para melhor qualificar o estudante e o profissional em sua carreira, para a preservação do emprego. “Nossa intenção é ter uma parceria a fim de levar esse conhecimento sobre legislação para dentro das escolas técnicas, e isso faz parte do desenvolvimento do estudante e do profissional, bem como o apoiá-lo para inseri-lo no mercado de trabalho. Queremos juntar a legislação pertinente, o mercado de trabalho e o desenvolvimento profissional dos Técnicos Industriais” disse. A Chefe de Gabinete da Presidência do CRT-MG também apontou a intenção do órgão em divulgar o projeto Trilhas de Futuro nos meios de comunicação do CRT-MG, pois temos um banco de dados junto aos profissionais e estudantes.

Nilson Rocha sintetizou como o CRT-MG pode atuar na parceria com o Governo do Estado. “O que nós queremos na verdade é poder participar e contribuir com tudo o que vocês precisarem, como contatos com as empresas, número de técnicos registrados, qual modalidade de técnicos tem mais registro em nosso sistema. Tudo o que vocês precisarem. nós estaremos dispostos a contribuir”, declarou o presidente do CRT-MG.

A representante da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais ficou satisfeita com a inciativa do CRT-MG, indicando que essa parceria pode render frutos para ambos os lados. “Podemos trocar informações, enviamos a vocês informações sobre os mapeamentos anteriores e dos cursos que já foram ofertados, e vocês podem nos enviar a relação de modalidades técnicas que já possuem resoluções e a demanda de mercado para os profissionais, bem como a legislação pertinente para que possamos aprofundar conhecimento. Isso vai ser muito importante para que possamos fazer uma leitura crítica para sabermos como poderemos trabalhar em conjunto”, finalizou Florence Sidney.

Últimas notícias

CFT implementa ferramenta para aperfeiçoar análise de TRTs

Nova funcionalidade permite que equipes de fiscais acompanhem o estágio de análise dos Termos de Responsabilidade Técnica (TRT) no Sistema de Informação dos Conselhos dos…
Ler mais...

CRT-MG e comando do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais discutem acesso dos técnicos industriais ao Sistema de Informações do Serviço de Segurança Contra Incêndio e Pânico (Infoscip)

Reunião realizada na Cidade Administrativa (sede do Governo do Estado) apontou caminhos para atender as demandas dos profissionais mineiros O Presidente do Conselho Regional dos…
Ler mais...

Resolução do CFT beneficia técnicos industriais recém-formados

Normativa da autarquia federal estabelece 90% de desconto na primeira anuidade e estimula a inserção dos profissionais de baixa renda no mercado de trabalho. O…
Ler mais...